Tudo o que você quer saber!

Olá, tudo bom?! 

Segunda não teve post como de costume. Eu finalmente terminei o novo layout do blog! Tudo foi feito com muito amor e carinho, e também com o objetivo de facilitar a transição entre as duas línguas. Gostaram?

Vamos ao post de hoje...

Como todo mundo sabe eu moro em Nova York. Durante dois anos estive aqui estudando, indo e voltando do Brasil, até que em 2015 fiquei aqui de vez. Como aqui tem muitos brasileiros, são muitos os grupos no Facebook; e, claro, eu participo de alguns. 

Desde que comecei o blog, recebo muitas mensagens da galera desses grupos e também de alguns amigos. Quase sempre são dúvidas, perguntas, pedidos de indicações, etc. Para facilitar, resolvi reunir as 10 perguntas mais frequentes que recebo sobre “morar em Nova York”:

1 - É caro? Qual é o valor médio de aluguel? 

B: Sim, é bem caro morar aqui comparado a outros estados. Os impostos são maiores, e tudo o que você quiser comprar pode adicionar 8,875% no valor da compra. Em relação a aluguel depende muito da onde você vai morar. Para vocês terem uma ideia, fiz a seguinte estimativa da média de aluguel de quartos: em Astoria e no Brooklyn varia entre $500-$1200, já em Manhattan $900-1800. Claro que tudo depende de quem está alugando, da localização e de alguns outros fatores. 

2 - Tenho um orçamento apertado, onde posso estudar inglês?

B: Existem várias bibliotecas e Igrejas que oferecem aulas gratuitas. Mas se você quiser algo pago, com uma rotina mais frequente e com o valor mais em conta, a dica é procurar por Community Colleges perto de onde você vai morar, os preços costumam ser mais baixos do que nas outras escolas.

3 - O inverno é muito frio?

B: SIM!!!! O inverno é MUITO FRIO e cada ano tem piorado. As temperaturas entre Janeiro e Fevereiro ficam negativas, podendo chegar a uma sensação térmica de -27 graus. (Se você quer dicas sobre o que vestir para se proteger do frio, dá uma olhada no post Moda Inverno!)

4 - Posso trabalhar com o visto de turista?

B: NÃO! Legalmente você não pode trabalhar com visto de turista. Para trabalhar você precisa de um visto específico para trabalho (H1, H2, H3, H4 e O1 - para habilidade extraordinária)

5 - Consigo trabalho fácil?

B: Me conta em qual lugar do mundo está fácil de arrumar emprego? Aqui não é diferente. Existem muitas opções de trabalho e depende da área que você quer atuar. Existem sites como Indeed.com e LinkedIn onde você pode filtrar sua busca de trabalho por empresas que forneçam visto.

6 - Quanto custa se manter em Nova York?

B: Isso depende muito de onde você mora. Eu diria que você precisa de no mínimo mil dólares, fora aluguel, para viver confortavelmente e talvez ainda guardar um dinheirinho.

7 - Quais são os melhores bairros para morar?

B: Eu sou suspeita para falar, mas eu AMO Astoria. Foi o primeiro bairro que morei quando vim pra cá e eu amei! Depois morei em Manhattan, mas confesso que fiquei super feliz em voltar pra cá. É um bairro bem residencial e multicultural. Eu moro na porção predominantemente Grega. Acho uma delícia!!! Existem áreas no Brooklyn como Williamsburg, Dumbo, Park Slope que são bem bacanas também. E em Manhattan eu gosto dos extremos, Uptown ou Downtown. Acho Midtown muito agitado, “muvuca” o tempo todo e eu, particularmente, prefiro um bairro mais tranquilo. Mas novamente, tudo depende do que você gosta e também do seu orçamento.

8 - Quanto tempo posso ficar com um visto de turista?

B: Você tem 6 meses de permanência no país com o visto de turista, podendo pedir extensão por até um ano e meio. Na extensão é dado 6 meses a mais de permanência desde que você diga os motivos pelo qual quer ficar e comprove que pode se manter financeiramente. Você pode baixar o formulário (I-539) no site da USCIS, preencher e pagar uma taxa de $370 dólares. Com isso você pode estender sua permanência por até 6 meses, e esse requerimento pode ser feito até duas vezes, totalizando a permanência de 1 ano e meio. Esse documento é o que você vai precisar para entrar novamente no país e comprovar que não permaneceu ilegalmente. 

Vale lembrar que não é necessária a contratação de um advogado ou agência para esse tipo de requerimento, existem muitas pessoas agindo de má fé e cobrando por esse serviço, mas você pode preencher sozinho, sem problemas. Eu mesma fiz esse processo e garanti a extensão da minha permanência sem nenhum auxílio. Se alguém quiser saber mais sobre esse assunto deixa um comentário aqui ou manda e-mail pra mim (babi@dicasbarbaras.com).

9 - Como conseguir um visto de estudante?

B: Primeiro tudo depende do tempo que você vai ficar. Para cursos de até 6 meses, não é necessário visto de estudante. Se você planeja ficar mais tempo, procure saber com a escola de sua escolha. A maioria dos cursos de inglês fornece a papelada para o visto de estudante, cursos livres como culinária, artes, teatro, nem sempre tem essa opção. Então o melhor a fazer é dar uma olhada no que a instituição oferece. 

10 - Como adquirir o Green Card?

B: O Green Card hoje em dia é adquirido por meio de vínculo trabalhista ou casamento. 

Quando você é contratado por uma empresa, recebe o Green Card como comprovante de sua residência no país. E ele está ligado à condição do vínculo com o contratante, e sua validade também depende também da empresa. Não são todas as empresas que disponibilizam o status de residente (Green Card), a grande maioria apenas providencia o visto necessário. 

O Green Card via casamento é adquirido através do seu marido/esposa Americano(a). Ele fica ligado à condição de permanecer casado por 2 anos, e após esse período você precisa renovar e nessa renovação a condição é retirada. 

Ambos processos não são simples, existem uma série de etapas onde você deve comprovar o emprego ou o casamento legítimo. Os formulários também estão disponíveis online no site da USCIS e lá você também encontra instruções de como enviar a papelada.


Bem, se alguém tiver alguma outra pergunta ou dúvidas relacionadas às perguntas de hoje, deixa seu comentário aqui ou pode escrever diretamente pra mim que eu respondo com o maior prazer!